Investimentos e processos beneficiam a qualidade de impressão na Indústria Gráfica

Investimentos e processos beneficiam a qualidade de impressão na Indústria Gráfica

Com o setor cada dia mais competitivo, impressoras e pós-impressão são capazes de diferenciar e destacar as empresas

O dito popular é sábio ao afirmar que ‘A primeira impressão é a que fica’. Trocadilhos a parte, a qualidade da indústria gráfica, que reflete nos produtos impressos, acaba se tornando um grande diferencial diante dos consumidores e, desta maneira, no eventual crescimento das vendas.

Os tempos não estão fáceis para vários segmentos e, para o parque gráfico, não é diferente. Sem investimentos nas impressoras, novos processos, em especial os de pós-impressão com o acabamento editorial nas gráficas, o acumulo de recordes históricos negativos tendem a permanecer. 

A perda significativa dos fluxos de receita tradicionais, impulsionados principalmente pela comercialização de hardware e a transição para a digitalização, estão forçando os fornecedores do setor a considerarem novos caminhos de crescimento para permanecerem relevantes para os negócios.

Com o investimento em maquinários, impressoras, capacitação dos colaboradores e maneiras diferenciadas de realizar os trabalhos, além das novas tecnologias de design de produtos, poderá ajudar a indústria de impressão gráfica a oferecer aos clientes uma experiência personalizada. 

As gráficas que investem constantemente em tecnologia e oferecem soluções inovadoras, certamente, terão uma vantagem competitiva no mercado sobre a concorrência e responderão por uma fatia maior do mercado. A impressão das máscaras faciais personalizadas para empresas foi um bom exemplo de novas possibilidades de ganhos para a indústria gráfica. Se, por um lado, a pandemia mundial de saúde trouxe ainda mais recessão para o setor, por outro, para quem estava atendo às necessidades dos clientes, encontrou uma maneira de garantir novos trabalhos.

“Com o retorno das grandes feiras e exposições, abertura do comércio, dentre tantos outros empreendimentos, por exemplo, o parque gráfico deve retornar ao patamar de impressões de maneira sustentável”, explica o Diretor da Gráfica Interfill, Uilson Cola.

Imagem Gráfica Interfill Sustentável

Investimento e novos processos como sinônimos de qualidade

Uma das maneiras mais eficazes de transmitir mensagens por meio dos produtos é a comunicação visual. Por este motivo, a qualidade do material impresso, seja ele no processo offset ou digital, é um dos principais requisitos esperados pelos clientes da indústria gráfica.

Segundo Uilson Cola, “Somente com o constante investimento em equipamentos, mão de obra qualificada e processos que assegurem a qualidade, bem como, o prazo de entrega combinada, é que a gráfica conseguirá prosperar, manter os atuais clientes e, principalmente, conquistar novos”, avalia.

Cenário competitivo

O mercado de impressão gráfica é competitivo e possui um número significativo de empresas em todo o Brasil, com participação considerável no mercado e pretendem continuar investindo na expansão de sua base de clientes.

A indústria gráfica está se concentrando no desenvolvimento de novos produtos e tecnologias, aliando estratégicas para o seu crescimento e participação no mercado.

Um bom exemplo é a Gráfica Interfill, que é especializada no atendimento de grandes empresas nacionais e multinacionais, possui um departamento exclusivo para a criação de protótipos e engenharia de embalagens. Oferece também as mais avançadas soluções em impressões offset e digitais para uma grande variedade de materiais, tais como embalagens especiais Promo Pack, projetos promocionais e especiais, editoriais, rótulos e adesivos, displays, dentre outros. 

Entre em contato com a Gráfica Interfill através do telefone (11) 3689-5100 ou acessando o site, no endereço www.graficainterfill.com.br, e conheça as soluções de impressão para os produtos de sua empresa.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on google
Share on linkedin

Relacionados